Tecnologias de inclusão no ensino de crianças com TEA

Maria Zildomar de Lima da Silva, Alysson Ramos Artuso, Cintia Souza Batista Tortato

Resumo


O Transtorno do Espectro Autista (TEA) suscita e ainda gera muitas discussões sobre os métodos mais efetivos para seu tratamento, considerando a complexidade que esse transtorno possui. Cada criança autista apresenta um quadro específico, com possibilidades e limitações variadas. Logo, diante da peculiaridade de cada caso, surge a necessidade de se desenvolver as práticas e mecanismos adequados e necessários a promover a inclusão da criança na sociedade, utilizando-se do ambiente escolar e até mesmo do doméstico para que contribua para o seu desenvolvimento, cognitivo, educativo e social. É nessa linha que surge a proposta de se utilizar tecnologias, através de aplicativos, jogos e programas que possam auxiliar nesse processo de aprendizagem da criança autista. Sendo assim, o objetivo deste trabalho é analisar a influência dos recursos tecnológicos no processo de aprendizagem do educando com TEA. Ensinar as crianças através de recursos tecnológicos pode se tornar uma excelente estratégia no processo de ensino, auxiliando os professores a transmitirem os conteúdos de forma didática e mais efetiva. Desse modo, através de uma pesquisa bibliográfica e documental, buscar-se-á neste artigo refletir sobre a utilização das tecnologias para ensino de crianças portadoras de TEA, e se tal exercício é benéfico ou não, e até que ponto. Como se perceberá a utilização de tecnologias no ensino de crianças com TEA pode gerar excelentes resultados e auxiliar o processo de ensino-aprendizagem.

Palavras-chave: Autismo. Tecnologia. Educação inclusiva.                                                                                                                                                                                                                                                                         

Inclusive technologies for teaching children with ASD

                                       

Abstract: Autistic Spectrum Disorder (ASD) has aroused and still generates a great number of discussions about the most effective methods for its treatment, considering the complexity of this disorder. Each autistic child has a specific condition, with varying possibilities and limitations. Therefore, given the peculiarity of each case, the need arises to develop the appropriate practices and mechanisms necessary to promote the inclusion of children in society, both at school and at home, to contribute to their cognitive, educational and social development. It is in this line that the proposal to use technologies arises through applications, games and programs that can help in this learning process of the autistic child. Teaching children through technology resources can become an excellent strategy in the teaching process, helping teachers to convey content in a didactic and more effective way. Thus, through bibliographic and documentary research, this article will seek to reflect on the use of technologies for teaching children with ASD, and whether such exercise is beneficial or not, and if so, to what extent.

Keywords: Autism. Technology. Inclusive Education.


Palavras-chave


Autismo. Tecnologia. Educação Inclusiva.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 REVISTA ELETRÔNICA PESQUISEDUCA