O PORTO DE SANTOS E O AUMENTO DO NÍVEL DO MAR. UM DESAFIO A SER ENFRENTADO

Gilberto Berzin, Leopoldo Figueiredo, Rafael Douglas Ribeiro Mourão, Thiago dos Santos

Resumo


Este artigo expõe como importantes portos marítimos internacionais e o
Porto de Santos, o principal da América Latina, se preparam para reduzir
os impactos e se proteger dos efeitos das mudanças climáticas e do consequente
aumento do nível do mar previsto para este século. Debatidos
pelo setor desde a década passada, esses fenômenos podem, dependendo
da localidade, afetar sensivelmente os complexos costeiros e suas operações,
aumentando custos e interrompendo com maior frequência suas
atividades, ao intensificar processos de erosão e sedimentação nas vias
de navegação, inundar áreas operacionais e acessos terrestres, acelerar a
deterioração de instalações e tornar mais fortes e presentes tempestades
e ressacas, entre outras consequências. A partir da análise de relatórios
técnicos, artigos científicos, textos jornalísticos e entrevistas com especialistas
do setor, tanto nacionais como internacionais, esta pesquisa cita as
principais ações adotadas pelas administrações portuárias para esta proteção,
a postura de entidades de atuação global e destaca a situação do cais
santista, onde a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp, a
Autoridade Portuária) ainda não desenvolveu uma ação específica para
este fim.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.