REABILITAÇÃO URBANA E PORTUÁRIA: NOVAS PERSPECTIVAS PARA ÁREA CENTRAL DE SANTOS

Ana Beatriz Alonso de Oliveira, Mônica Antonia Viana

Resumo


Este artigo trata de um projeto de reabilitação urbana na área central de
Santos. A princípio, se fez uma análise do conjunto de bairros da área
central, que abrange os bairros do Valongo, Centro e a área portuária
dos respectivos, onde se estudou a situação atual e principalmente as suas
possibilidades futuras. A partir dessa análise macro, definiu-se o recorte
territorial de intervenção onde foi proposta a reabilitação dessa área tão
nobre e simbólica da cidade. Buscou-se resgatar o valor histórico e patrimonial
do conjunto arquitetônico e urbanístico existentes, em especial
dos armazéns do porto, que hoje se encontram despojados de funções,
procurando conciliar a integração das áreas portuárias à cidade, com a
proposição de novos usos. A questão central do projeto de intervenção
foi buscar minimizar (ou harmonizar) os conflitos existentes entre porto e
cidade e resgatar essa relação através de estratégias que criem uma maior
permeabilidade entre os mesmos. Para isso, criou-se um plano urbanístico
que teve por projeto âncora um Terminal Marítimo de Passageiros, onde
priorizou-se a valorização do espaço público e a melhoria da acessibilidade,
seguindo os parâmetros da mobilidade urbana sustentável, onde o
pedestre e o ciclista têm prioridade aos demais meios de locomoção, com
o intuito de promover na área central de Santos, mesmo que em uma pequena
parcela, a construção de uma cidade que priorize as pessoas.


Palavras-chave


Reabilitação Urbana. Porto e cidade. Plano Urbanístico. Mobilidade Urbana. Área Central de Santos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.