ANÁLISE SEMIÓTICA DA LINGUAGEM LITERÁRIA E CINEMATOGRÁFICA DE CAPITÃES DA AREIA

JULIA RIECHELMANN DO NASCIMENTO, LIZANDRA MARIA SILVA ALVES, YASMIN MAMEDE MARQUES, ROSA MARIA VALENTE FERNANDES

Resumo


No livro Capitães da Areia, o escritor Jorge Amado trata com lirismo a vida
de meninos de rua que vivem à margem da sociedade da década de 1937
e neste trabalho, será abordada a questão fílmica e literária do livro, mostrando
suas semelhanças e diferenças e o que foi mantido da sua essência,
como a questão semiótica presente na obra cinematográfica e as questões
ideológicas em ambas. Aprofundar-se, portanto, na obra de Jorge Amado
é, antes de tudo, entrar em contato com o contexto histórico fortemente
desenvolvido em seu texto. De modo geral, a análise apresentará as
questões mais presentes na narrativa, como a luta dos personagens Pedro
e Dora e suas características, figuras que serão retratadas no decorrer desse
trabalho e o papel que desempenharam durante todo livro e filme.


Palavras-chave


Jorge Amado. Capitães da Areia. Obra Cinematográfica. Ideologia. Semiótica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.