AS POSSIBILIDADES FORMATIVAS DA HORA DO TRABALHO PEDAGÓGICO (HTP)

Lenarde Nascimento dos Santos Mendes

Resumo


Esse trabalho é fruto da pesquisa realizada no Mestrado em Educação e que teve, como objeto, a formação em serviço de professores, com ênfase na Hora de Trabalho Pedagógico (HTP). A investigação partiu da seguinte questão-problema: quais as possibilidades formativas da HTP para a formação docente em serviço? Nessa perspectiva, o foco da pesquisa foi o papel dos coordenadores pedagógicos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que teve como cenário a cidade de Santos, sendo que os pressupostos epistemológicos da pesquisa qualitativa contemplaram as especificidades do objeto em questão, a saber, a relação dinâmica entre o mundo real e o sujeito, captando tanto os aspectos objetivos quanto os subjetivos. A  coleta de dados foi realizada a partir dos seguintes instrumentos: questionário, entrevista, dinâmica de grupo, grupo focal e análise de documentos, visando elucidar o objeto investigado. O estudo apoiou-se em autores que discutem a questão da cultura da prática reflexiva na escola como elemento norteador do pensar e do fazer docente coletivo. A análise do material verbalizado ou escrito foi submetida à técnica da análise de conteúdo, possibilitando perceber os sujeitos em seus contextos sociais de trabalho, o que permitiu emergir as seguintes categorias: HTP como espaço de formação; HTP como espaço de troca de conhecimento e HTP como espaço de escuta. Os conhecimentos construídos nesta investigação permitem afirmar que a formação em serviço é um espaço/tempo necessário à reflexão do professor, podendo configurar-se em lócus que acolhe as experiências de seus sujeitos e promove o processo de pensar/discutir a prática docente.

 Palavras-chave: Coordenador Pedagógico; HTP; Formação de professores; Formação em serviço.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.