A competência escritora de alunos de 6º/7º anos do ensino fundamental e o efeito-escola: um estudo de caso

Ana Luzia Videira Parisotto, Telma Aparecida Luciano Alves

Resumo


De acordo com os Resultados Gerais da Rede Estadual do Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (SARESP 2010), um total de 23,3% dos estudantes terminou a 4ª série/5º ano do ciclo I do ensino fundamental apresentando um nível abaixo do básico na prova de redação. O objetivo geral desta pesquisa foi o de investigar como o efeito-escola, a participação familiar e a tutoria educacional afetaram o processo de construção da competência escritora dos sujeitos pesquisados. Neste artigo, apresentamos uma análise comparativa entre a competência escritora demonstrada pelos estudantes no início de 2009 e 2010 e as reflexões referentes a esses dados. Observamos que houve uma tendência à manutenção do rendimento, demonstrando que o efeito escola sobre a aprendizagem é variável.


Palavras-chave


efeito-escola; competência escritora; produção textual.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais