Pedagogia como Ciência: uma análise a partir do pensamento de Dermeval Saviani

Autores

  • Rafaela Soares Celestino Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Palavras-chave:

Ciência. Epistemologia. Escola. Intelectuais. Intencionalidade.

Resumo

Neste estudo, investigamos a Pedagogia como Ciência, conforme defendida por Dermeval Saviani. Sabe-se que, no Brasil, não é comum analisar a possibilidade de tomá-la como uma Ciência. Além disso, não há consenso sobre quais pressupostos científicos compõem a àrea. Por outro lado, os que negam sua cientificidade argumentam que a educação é objeto de outras Ciências. Diante disso, utilizamos o texto de Dermeval Saviani (2008), Pedagogia e ciência(s) da educação, para mostrar que a Pedagogia é o campo de investigação científica dos processos de socialização e didatização intencional dos conhecimentos, pois lidar pedagogicamente com os conteúdos e os educandos é uma especificidade dessa área. Por isso, não podemos endossar a docência como o aspecto que caracteriza ou hegemoniza a Pedagogia. Por fim, fomentamos que a consciência de um trabalho intencional e sistemático dos saberes escolares para a promoção humana legitima a Pedagogia como uma Ciência relativamente autônoma.

Biografia do Autor

Rafaela Soares Celestino, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Doutora em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPE (2012-2016).  Professora substituta pelo Departamento de Fundamentos Sócio-Filosóficos da Educação do Centro de Educação da UFPE (2011-2012). Constitui o quadro funcional de professora efetiva das Séries Iniciais do Ensino Fundamental I e Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino de Olinda. Fez parte temporariamente do quadro funcional de docentes pelo Departamento de Administração Escolar e Planejamento Educacional (DAEPE) da UFPE (2016-2018). Faz parte do quadro funcional de docentes da Uninassau Recife. Investiga na área da Epistemologia e Pedagogia; Filosofia da Educação; Literatura e Educação, Educação Infantil e Infância.

Referências

ARENDT, Hannah. Entre o passado e o futuro. A crise na Cultura: sua importância social e política, São Paulo: Perspectiva, 2005. P. p. 248-281.

BOAVIDA, João. AMADO, João. Ciência da Educação: Epistemologia, Identidade e Perspectivas. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2006.

BOAVIDA, João. AMADO, João. A especificidade do educativo: seu potencial teórico e prático. Revista Portuguesa de Pedagogia, ano 40-1, 2006. P. 43-61.

FRANCO, Maria Amélia Santoro. Caminhos Históricos da Pedagogia. In: Pedagogia como ciência da educação. Campinas - São Paulo: Papirus, 2003.

GRAMSCI, Antonio. Os intelectuais e a organização da cultura. Tradução de Carlos Nelson Coutinho. 3. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1979.

GRAMSCI, Antonio. Obras escolhidas / Antônio Gramsci; tradução de Manuel Cruz: São Paulo: Martins Fontes, 1978.

GRAMSCI, Antonio. Concepção Dialética da História; Tradução de Carlos Nelson Coutinho. 7 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1987.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP& A, 2005.

GRANGER, Gilles-Gaston. A Ciência e as Ciências. Tradução de Roberto Leal Ferreira. São Paulo: Editora UNESP, 1994. Cap. I-II-III.

HERBART, Johann Friedrich. Pedagogia Geral. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2003. P. 129-141.

RÖHR, Ferdinand. Reflexões em torno de um possível objeto epistêmico próprio da Educação. Dossiê sobre a Epistemologia e Teorias da Educação no Brasil: balanço e perspectivas. In: I Seminário de Epistemologia e Teorias da Educação – EPISTED. Campinas, São Paulo, 2006.

SANTOS, José Luiz dos. O que é Cultura. São Paulo: Brasiliense, 1994.

SAVIANI, Dermeval. Educação Brasileira: estrutura e sistema. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 1975.

SAVIANI, Dermeval. Filosofia da Educação Brasileira. 3ª ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1987.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. São Paulo: Autores Associados, 1992.

SAVIANI, Dermeval. Escola e Democracia: teorias da educação, curvatura da vara, onze teses sobre educação e política. 25. ed. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1991.

SAVIANI, Dermeval. Educação do Senso Comum à Consciência Filosófica. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 2000.

SAVIANI, Dermeval. O pensamento pedagógico brasileiro: da aspiração à ciência à ciência sob suspeição. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 21, n. 42, P. 13-35, jul./dez., 2007.

SAVIANI, Dermeval. A Pedagogia no Brasil: história e teoria. Campinas: Autores Associados, 2008.

Downloads

Publicado

2021-11-14