A VARIAÇÃO LINGUÍSTICA NA MÍDIA DIGITAL: UMA ANÁLISE DO JORNAL FOLHA DE S. PAULO

Cristiane de Melo Nunes, Ana Cecília da Costa

Resumo


O presente estudo apresenta brevemente a variação linguística da língua
portuguesa - com destaque à pluralidade e ao preconceito linguístico - na
linguagem jornalística do jornal Folha de S. Paulo e as influências que o
periódico sofre da gramática normativa, do Manual da Redação editado
pelo próprio jornal e da variação da língua. Apresenta exemplos de diferentes
cadernos e colunas, com destaque para a ocorrência de diferentes
variantes. Analisa os termos característicos da variação linguística e compara
o uso destes com o previsto na gramática normativa e no Manual da
Redação. Objetiva demonstrar que a variação está presente no dia a dia de
todos, refletindo, assim, na imprensa jornalística.


Palavras-chave


Norma padrão. Variação linguística. Texto jornalístico

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.