A PRÁTICA EDUCATIVA DO ENFERMEIRO NA REORGANIZAÇÃO DO AMBIENTE RESIDENCIAL PARA A MOBILIDADE E SEGURANÇA DO IDOSO

Autores

  • Ester de Oliveira Santos UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS
  • Ysabely de Aguiar Pontes Pamplona UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS
  • Lourdes Conceição Martins UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS
  • Luzana Mackevicius Bernardes UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS

Resumo

O envelhecimento populacional é uma realidade já presente em nosso país, ganhando espaços de discussão em diversos segmentos na sociedade. Com a inversão da pirâmide populacional, novas estratégias para a assistência ao idoso devem ser implementadas, incluindo ações educativas que promovam a mobilidade e segurança do idoso em seu ambiente residencial. Esta pesquisa teve como objetivo geral: conhecer os fatores que afetam a mobilidade do idoso em seu ambiente residencial e como objetivos específicos: identificar as principais barreiras arquitetônicas no domicílio dos idosos, e analisar as adaptações para o ambiente domiciliar do idoso. Este foi um estudo transversal, por meio de uma amostra não probabilística por conveniência e realizada com a aplicação de questionário e entrevista estruturada. O estudo identificou como se dá a mobilidade residencial, destacando os principais desafios que o idoso enfrenta em seu cotidiano e mostrou que a maioria dos domicilíos, apresentava barreiras arquitetônicas e falta de equipamentos de segurança, dificultando a acessibilidade dos idosos. Ao analisar a ambiência do domicílio, contatou-se a necessidade de realização de intervenções e ajustes para a redução dos diversos riscos aos idosos. Neste contexto, é imperativo a abordagem educativa sobre o ambiente domiciliar aos idosos, e, deve ser incorporada à prática profissional do enfermeiro, favorecendo a autonomia e independência dos idosos.

Biografia do Autor

Ester de Oliveira Santos, UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS

Acadêmica do Curso de Enfermagem – UniSantos

Ysabely de Aguiar Pontes Pamplona, UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS

Professora Doutora do Programa de Pós-Graduação Strictu Senso em Saúde Coletiva – UniSantos

Lourdes Conceição Martins, UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS

Professora Doutora do Programa de Pós-Graduação Strictu Senso em Saúde Coletiva – UniSantos

Luzana Mackevicius Bernardes, UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SANTOS

Professora Doutora do Curso de Enfermagem – UniSantos

Publicado

2021-08-27