GESTÃO DA MANUTENÇÃO E PLANEJAMENTO DE PARADA PROGRAMADA DE UM NAVIO PLATAFORMA, ESTOCAGEM E PRODUÇÃO DE PETRÓLEO - FLOATING PRODUCTION STORAGE OFFLOADING (FPSO)

Autores

  • Débora Agráz Cutino Nogueira UNISANTA
  • Lívia Sales de Moraes Vitório Universidade Católica de Santos

Palavras-chave:

Gestão. Manutenção. Parada programada. FPSO.

Resumo

De modo a se tornarem mais competitivas, as empresas necessitam que
as funções básicas representadas pelos diversos departamentos de sua estrutura
apresentem resultados excelentes. A manutenção, como função
estratégica das organizações e responsável direta pela disponibilidade dos
ativos, tem uma importância capital nos resultados da empresa. Esses resultados
serão tanto melhores, quanto mais eficaz para a gestão da manutenção.
A indústria petrolífera não fica para trás no quesito de gestão
de manutenção. No trabalho será discutido como funciona a gestão de
manutenção de um navio FPSO - plataforma, estocagem e produção de
petróleo -, e demonstrar um planejamento de parada programada de manutenção,
considerando as variáveis envolvidas, custos e riscos estimados.
Tomaremos como exemplo o FPSO Cidade de Paraty, da empresa SBM
Ltda.

Biografia do Autor

Débora Agráz Cutino Nogueira, UNISANTA

Mestrado em
Engenharia
Mecânica na
UNISANTA (2014),
possui graduação
em Engenharia
Eletrônica pela
UNISANTA (1992)
e tem experiência na
área de Engenharia
Elétrica, com ênfase
em Automação
Industrial, Sistemas
de Informação,
atuando
princpialmente
nos seguintes
temas: flexibilidade
de produção,
i d e n t i f i c a ç ã o
do produto,
instrumentação e
decisão automática.
Participa do
Grupo de Pesquisa
Operacional e
Logística - GPOLOG
da UNISANTOS.
Leciona na
Universidade
Monte Serrat
(UNIMONTE) e
na Universidade
Católica de Santos
(UNISANTOS) no
curso de Engenharia
de Produção.

Lívia Sales de Moraes Vitório, Universidade Católica de Santos

Aluna do Curso
de Engenharia
de Produção da
Universidade
Católica de Santos.

Downloads

Publicado

2017-08-01